Casa do Administrator

Ca1 Ca2 Ca3 Ca4

Vila Medieval de Ourém

Ch1 Ch2 Ch3 Ch5 Ch6

video

Galeria da Vila Medieval de Ourém

Exposição "Eu sou uma jóia" de Sandrine VieiraCartaz%20eu%20sou%20uma%20joia

Galeria da Vila Medieval de Ourém

Exposição patente de 12 de janeiro a 25 de fevereiro de 2018

“EU SOU UMA JÓIA” não é um projecto de joalharia convencional, usada como adorno estético. É uma reflexão sobre a joalharia contemporânea, em que tudo pode ser uma jóia: O corpo, uma pedra, um papel, uma luz, um espelho. É um olhar diferente que permite que o nada se transforme em tudo, reflita formas, sentimentos e se torne em algo precioso.
“eu sou uma joia” é um estado. Tudo o que nos rodeia pode ser uma joia. Todos nós somos joias.
Na exposição/instalação “Eu sou uma joia”, também a fotografia e a pintura serviram de base para a concretização das peças, através da observação das mesmas e do que nelas é possível traduzir como objecto, assumindo estas artes também o seu lugar de jóias.
 
Joalharia, instalação, fotografias de  Sandrine Vieira.
 
Sandrine Vieira 
É do cruzamento entre a conceptualidade, experimentação e criação de processos de fabrico próprios que nascem as peças de joalharia contemporânea Sandrine Vieira.
A artista e criadora de joias natural de Paris reside em Leria e criou a sua marca própria em 2008 como resultado da sua grande paixão pela joalharia. Em 2010, três anos apos terminar o curso pela Contacto Direto, e obter o punção de fabricante de ourivesaria da Casa da Moeda, abriu o seu próprio atelier onde cria peças únicas e exclusivas.
As joias de Sandrine Vieira refletem a sua paixão pela vida, pela arte, pelas coisas comuns do dia-a-dia, pelo que vê e pelo que a rodeia.
As peças exclusivas podem nascer da matéria prima nobre como o ouro e a prata ou de objetos comuns que se trasnformam em obras de arte, em peças singulares de joalharia contemporânea que se definem pela elegância, humor e design.
Uma das imagens de marca das criações de Sandrine Vieira é a originalidade com que as coleções de peças únicas são apresentadas, dando extrema importância á cumplicidade com o público através da forma como é apresentada a história e o conceito que dão origem às peças. As criações Sandrine Vieira são adquiridas por importantes espólios de coleccionadores particulares, mas também por instituições públicas como o Instituto Politécnico de Leiria e MUDE - Museu do Design e da Moda, Lisboa.

Entrada livre

Horário: de terça a domingo das 09h às 13h e das 14h às 18h; encerra à segunda-feira.

Organização: Município de Ourém

Está em... Início Arrow GALERIA MUNICIPAL